Lucios ganha obras públicas e privadas na Argélia

A construtora Lucios está prestes a somar mais um mercado externo ao seu portfolio internacional, que pesa actualmente 14% num volume de negócios de 54 milhões de euros.

A empresa está num “avançado processo de angariação” de obras na Argélia, adianta Luís Machado, administrador da Lucios. Segundo revela, a Lucios prevê iniciar a “laboração na Argélia em meados de 2015 com actuações que variam entre o mercado privado e público”.

O Gana está também no radar da empresa, mas o estudo de mercado ainda não está concluído. A construtora marca já presença em Moçambique, França e Brasil, para além de Portugal. Moçambique é o mercado externo onde a construtora mais tem crescido.

A carteira de encomendas actual ronda os 43 milhões de euros e Luís Machado prevê que a Lucios deverá duplicar este ano o volume de negócios neste mercado. Já em França, a empresa tem apostado na área da reabilitação. No entanto, “o mercado francês regista uma contracção assinalável, que se acentua para as empresas estrangeiras que pretendem actuar como empreiteiros gerais”, diz o responsável.

Nesse sentido, “a nossa angariação tem sido lenta”, mas a Lucios aguarda a contratação de mais duas obras no valor de cinco milhões para reabilitação de habitação.

No Brasil, a Lucios não está no momento a desenvolver a actividade de construção. Como refere Luís Machado, “decidimos actuar a curto e médio prazo como eventuais investidores”. A Lucios decidiu apostar na internacionalização para “diversificar o risco e procurar melhores rentabilidades”. Em Portugal, mantém “uma carteira de encomendas estável, apesar do mercado continuar extremamente esmagado e competitivo”, realça. 

A Lucios garantiu já novas obras no mercado interno no valor 12,9 milhões.

Fonte: Diário Económico